projeto integrado residencial

jul 31

Como deixar seu projeto integrado ainda melhor

Falamos sempre sobre projetos integrados e como eles beneficiam seu projeto. Hoje vamos explicar melhor como um projeto integrado funciona.

1 – Instalações Elétricas

Um projeto elétrico planeja como funcionará toda a fiação elétrica e futuras instalações na residência. É um planejamento para que as instalações elétricas de uma área possam ser executadas de forma econômica e segura. Com o intuito de também evitar problemas futuros na hora de construir ou reformar. A parte elétrica é de suma importância e necessita de acompanhamento especial na sua elaboração. Escolher fios e cabos que suportem a tensão elétrica da região, alertar os proprietários sobre a tensão (“voltagem”) dos equipamentos. Efetuar um cabeamento que evite a propagação de incêndios ou curtos circuitos entre outras especificações técnicas e de segurança que de maneira geral muitas pessoas desconhecem. Assim seu projeto integrado não terá problemas.

2 – Instalações Hidráulicas e Sanitárias

A quem deseja construir e/ou reformar sua residência, a passagem de tubulações de água e esgoto precisa ser cuidadosamente planejada. Um projeto de instalações hidráulicas evita inúmeros erros na montagem do sistema, economizando dinheiro e tempo. Ele prevê todas as especificações de canalização, com as dimensões necessárias ao sistema hidráulico e faz  uma boa distribuição hídrica em todos os cômodos como, por exemplo, banheiro, área de serviço e jardim.

Sustentabilidade

Com o objetivo de corrigir possíveis irregularidades, como vazamentos, infiltração e falhas de pressão, testes são feitos antes da execução de acabamentos. A parte hidráulica quando mal executada costuma apresentar problemas após certo período, por isso muitos proprietários não percebem imediatamente problemas relacionados às tubulações, encanamento e sistema de esgoto. Com o desenvolvimento dos projetos de maneira integrada podemos também ter as soluções de reuso de águas das chuvas, bem como dos equipamentos hidro-sanitárias. Também monitorar através de um sistema de automação possíveis irregularidades no funcionamento do sistema hidro-sanitário, como por exemplo a notificação através de SMS de possíveis vazamentos.

3 – Automação Residencial

A automação residencial tem como objetivo criar ambientes inteligentes. Integrando especialidades e praticidade, aliado ao design, conforto e consciência social e ecológica.  Por meio da automação residencial seu projeto integrado só precisa de um toque para que todos os seus eletroeletrônicos sejam ativados por um sistema e comecem a funcionar, juntos. Nesse sistema também podemos fazer a integração de todas as instalações do lar, como por exemplo: cortinas, iluminação, ar condicionado, sistemas de irrigação, sistemas de segurança dentre outros conforme à necessidade do usuário.

4 – Climatização e Exaustão

Um sistema de climatização e exaustão é muito eficiente para quem busca praticidade e redução nos gastos, visando também a preservação da natureza e bem-estar das pessoas. Um exemplo disso é que o sistema de climatização e exaustão bem projetado diminui em grande percentual os gastos com energia elétrica, sendo um fator importante não apenas ao bolso do cliente, por ter maior economia, mas também com quem se preocupa com a natureza.

5 – Telecomunicações

Cada vez mais, a tecnologia emana em nossas residências, são equipamentos eletrônicos para entretenimento e para telecomunicação. Estes estão cada vez mais sofisticados e com novas funções, na maioria delas que se comunicam via rede. São desde computadores, videogames, tv por assinatura, home theaters, sistemas de som, internet até climatização, iluminação e segurança (projeto integrado). Contudo, as redes residenciais tradicionais e sua infraestrutura, trazem inúmeras dificuldades para o usuário. Diante disto, o cabeamento estruturado, oferece ao usuário residencial conforto e avanços para usar as tecnologias disponíveis. O cabeamento estruturado moderno, oferece uma rede padronizada, onde todos os cabos partem do mesmo painel central e vão para cada uma das tomadas. Uma vez instalado o cabeamento, não haverá mais necessidade de passar novos cabos.

6 – Prevenção de Incêndio

A concepção de um projeto integrado já considerando os requisitos de segurança contra incêndio, ou seja, já observando a proteção passiva, entendendo-se como tal, a segurança estrutural contra incêndio, o emprego de materiais que não sejam de fácil propagação, a compartimentação, entre outros aspectos, que resulta em economia no tocante a proteção ativa, ou seja, pode reduzir ou eliminar custos com as instalações de combate a incêndio (extintores, detectores de gás, entre outras). Um dos benefícios importantes na prevenção de incêndio em uma residência / apartamento, é a redução no custo do seguro do imóvel.

Para mais dicas deste item acesse: https://goo.gl/jQhMaq

Aproveite para ler também:
10 Tecnologias integradas para seu lar

Acompanhe tudo em nossas redes sociais
▶ Facebook: https://goo.gl/DOoKqK
▶ Instagram: https://goo.gl/Ul6DYq
▶ Twitter: https://goo.gl/wjWa5k
▶ Linkedin: https://goo.gl/1MpKvD

Compartilhar isso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × dois =